Usuário é muito preguiçoso

Categoria: Geral | Palavras-chave: Sem palavras-chave

Neste final de semana tive mais um prova de que o usuário é muito preguiçoso e resistente a mudanças.
Estava na casa de uma guria quando passou na televisão uma propaganda de um computador destes que já vem com Linux instalado. Ela comentou na hora que o computador que ela comprou tinha vindo com Linux mas ela não gostou e em uma semana já tinha pago para por uma cópia pirata do Windows. Ela disse que não gostou do Linux porque não podia entrar no msn, word, etc. Ela, como muitos usuários, nem se quer procurou, entre os menus com os programas, por um programa de mensagens instantâneas(ok, usuários comuns não sabem que msn é um programa de mensagens instantâneas).
Um dia antes, esta mesma guria havia mexido no meu notebook e se mostrou muito familiarizada com o sistema operacional que estava instalado nele. Abriu o navegador de arquivos, visualizou fotos e fuçou em tudo que é canto. Quando ficou sabendo que ela estava mexendo em um sistema operacional Linux não acreditou.
A conclusão que cheguei é que se um usuário sabe que vai ter que usar algo novo que ele pode não dominar totalmente, este usuário fica na defensiva e acaba não conseguindo fazer nada. Se o mesmo usuário simplesmente é jogado em algo novo, é pego de surpresa e desarmado quanto aquela novidade e acaba dando um jeito de se virar sem medo.

Publicado em 19 de novembro de 2006 | 4 Comentários

Ivan Brasil Fuzzer

Ivan Brasil Fuzzer

Faço parte do grupo Tchelinux(http://www.tchelinux.org). O Tchelinux é um grupo de voluntários que trabalha com software livre e ainda acredita que boas coisas podem ser feitas nesta comunidade; desde que saibamos repassar aos que estão iniciando que Software Livre é um aprender e repassar o conhecimento incessante. Sou líder do Ubuntu-BR-RS juntamente com a Marta Vuelma. Tentamos divulgar a distribuição e auxiliar novos usuários por todo o estado do Rio Grande do Sul, as vezes em outros estados também. Sou um amante incondicional de software livre. Vivo apaixonado pelo Ubuntu.

Mais posts do autor (856)

4 Comentários

  1. Andre Almeida disse:

    Pois é… as pessoas não gostam de mecher em alguma coisa que elas não saibam como funciona, mas como você disse, quando precisa ou quando não tem opção acabam usando com certa facilidade até mais do que no outro que ela conhecia.

    E eu que não consigo mais usar windows? Quando tenho que usar um computador com windows já me embrulha o estomago.

    Eu gostaria que mais pessoas, e principalmente usuários comuns, usassem mais sistemas operacionais livres. Mas infelizmente no meu ponto de vista, ainda faltam alguns aplicativos para o linux que tornem o linux completo, além disso um maior suporte das empresas tanto de hardware quanto de software ao SO Linux. Um fator que pode atrapalhar é as várias distribuições e diversos padrões. Por exemplo, eu queria instalar a última versão do JDK na minha máquina, entretanto o RPM feito pela Sun não faz o “serviço” completo no meu Fedora Core 6, ouvi dizer que ele instala num diretório diferente do padrão para o Java no Fedora, enfim.. . o problema é que por culpa das empresas (ex. Sun e outras) as coisas ainda não são tão faceis no Linux quanto no Windows. E isso pode afastar alguns usuários.

    O básico qualquer distribuição Linux faz melhor que o Windows, mas quando saímos do básico (algo que não esteja em repositório por exemplo ou que não tenha um pacote pronto – o que é comum) as coisas complicam.

  2. Diego T. disse:

    É… eu ainda não migrei pro linux… mas entre outros aplicativos, ja penso seriamente em sacar fora o office, não consigo mais viver sem o editor de fórmulas do open office, uahauaahuaah

    Outra coisa que já migrei a tempos foi o mozilla, cliente de mensagens instantâneas (miranda), quanto ao navegador troquei inicialmente por falta de hardware para continuar no IE… (pentium 200MHz 28Mb de ram… 2 janelas no IE e no FF 4 abas… bem melhor) de o mesmo com a mensagem instantânea… o ICQ 2001b já era muito pesado… comecei a catar algo mais clean… achei o miranda… depois adicionei mais alguns protocolos nele… agora estou com ele rodando talk (2 contas), msn e icq… e em um ambiente linux provavelmente iria para o gaim (sim o miranda é software livre e só roda em windows)…

    Quando chegar o HD novo para as mp3 vai sobrar espaço pra fazer um dual boot, hehehe

  3. MarcosLucas disse:

    O usuário padrão, só quer saber de ligar e usar. Não importa se é Windows, Linux, MsOffice ou BrOffice, MSN ou Gaim… ele quer ligar e usar, como se fosse um video cassete ou aparelho de som. Por isso a guria gostou do teu notebook, porque está tudo funcionando. Simples assim.

    Cara, eu sou totalmente contra a maneira como esse Linux está sendo colocado nas máquinas das lojas. Outro dia, um rapaz me trouxe o notebook dele, que veio com Linux, pra botar WinXp. Sabe por quê? Ele ligava, e dava uma tela preta e um tal de “login” , que ele não sabia o que era. E só, mais nada. Nem o hardware não tava configurado. Coloquei um CD Live do Ubuntu, e reconheceu tudo na hora. Acabei colocando XP pra ele, porque insistiu e estava pagando (hehe), mas foi um parto, levou 2 dias. Mas dei um CD do Ubuntu pra ele “dar uma olhada”, e ontem mesmo ele já falou comigo que gostou vai trazer de novo pra instalar o Ubuntu no HD. Por quê ele mesmo não instala?

    Pede se foi a guria quem instalou os drivers, ou o próprio XP na máquina dela? Não, foi outro.
    O mesmo é pro Linux. Mesmo sendo mais fácil de instalar, o pessoal é acostumado a isso. Não é que sejam preguiçosos, mas é assim que funciona pra maioria. Eu adoraria aprender mecânica, até leio sobre o assunto, mas para tarefas mais pesadas, eu levo o meu carro no meu mecânico de confiança. Por que não faria isso com um computador?

    Eu também penso “mas que preguiçoso”, mas logo avalio por essa ótica, e então mudo (um pouquinho) de idéia.

  4. Andre Almeida disse:

    “Acabei colocando XP pra ele, porque insistiu e estava pagando (hehe)”
    Além de crime é uma “coisa ruim” para a expansão do linux.

    Veja o meu post sobre:
    http://mundoandre.blogspot.com/2006/11/eu-no-dou-suporte-para-windows.html

Deixe seu comentário

Website