GConjugue – Conjugue verbos facilmente no Ubuntu

Categoria: Ubuntu | Palavras-chave: , , ,

A dica de hoje é o GConjugue. O que ele faz? Conjuga verbos da nossa língua portuguesa. Simples assim.

Para instalar basta recorrer à Central de Programa Ubuntu e digitar na caixinha de pesquisa GConjugue. Pronto! Agora não terás de recorrer a um livro de gramática ou pesquisar no Google a conjugação daquele verbo que quase lhe fez desistir dele. A interface é do programa é simplória e vai direto ao assunto.

Para estudantes, blogueiros, escritores o GConjugue é uma ótima pedida, já que a facilidade de uso aliada ao seu banco de dados com 4022 verbos, serve para não só para sanar dúvidas quanto para enriquecer o vocabulário. Com ele tirei a dúvida que não existe conjugação para a 1ª pessoa do singular no presente do indicativo para o verbo colorir. :)


Segue abaixo uma breve descrição retirada do Menu Ajuda – Conteúdo do Programa, de como o software se porta diante dos verbos.

O GConjugue apresenta a seguinte informação antes da conjugação dos verbos:

Paradigma: <verbo>: Indica qual verbo serve de paradigma para a conjugação; ou o próprio verbo conjugado é um paradigma ou está explicitamente listado como seguidor do paradigma.

Paradigma deduzido: <verbo>: O verbo está presente no banco, mas não está classificado. Seu paradigma foi “calculado” pelo programa.

Não consta do banco de verbos: Mesmo não constando do banco de verbos, o verbo fornecido pelo usuário poderá ser conjugado se for possível calcular um paradigma para ele.

Não sei conjugar <verbo>: O GConjugue não conseguiu relacionar nenhum paradigma com a expressão fornecida pelo usuário. Isto somente deve acontecer com termos cujo tratamento como verbo é impossível na língua portuguesa (palavras não terminadas com a letra ‘r’, por exemplo).

Experimente digitar um neologismo (“blogar” por exemplo), verás o quanto é bacana o programa.

Publicado em 7 de março de 2011 | Deixe seu comentário

Milton Rodrigues

Milton Rodrigues

Servidor Público, acadêmico de Letras e apaixonado por Software Livre, sobretudo Ubuntu. No tempo livre, tenta pregar a filosofia do Software Livre para amigos, ainda que sem sucesso. :)

Mais posts do autor (5)

Deixe seu comentário

Website