Novidades sobre o MIR

Categoria: Ubuntu | Palavras-chave: , , , , ,

Mal escrevo um desabafo sobre o posicionamento de algumas comunidades em relação ao MIR e já tenho algumas novidades relativas ao desenvolvimento.

A primeira novidade e mais interessante é que o MIR será o servidor gráfico padrão no Ubuntu 13.10, próxima versão a ser lançada. O Unity lançado na versão 13.10 continuará sendo o 7 e estará rodando na camada de compatibilidade do MIR, o XMIR.

O MIR será usado para os drivers livres da Intel, NVIDIA e ATI, já para os drivers proprietários da NVIDIA e ATI, o X ainda será utilizado. O Unity que estará rodando nos dois casos continuará sendo o mesmo, mantendo todos com a mesma experiência de uso. Este “fallback” do X será retirado totalmente para a versão 14.04 devido ao grande trabalho que está sendo feito junto aos fabricantes de placas de vídeo.

Você pode estar se perguntando porque vão fazer isso tão de pressa assim, já que o código ainda não está 100% completo? A melhor maneira de se testar se um sistema está pronto e até melhorar ele é tendo reais testadores, e estes testadores somos nós. Claro que não vamos testar algo tão inacabado, o sistema será entregue totalmente funcional, apenas teremos que encontrar erros que só podem ser encontrados com a grande variedade de hardware que a base de usuários do Ubuntu tem.

Outra pergunta é sobre como esta decisão irá impactar os outros sabores do Ubuntu. Todos podem ficar tranquilos, o XMIR conseguirá rodar completamente todos eles. Vejam o vídeo abaixo com os desktops rodando.

Assistir no Youtube

Todas as novidades do desenvolvimento poderão ser discutidas na lista de discussão do projeto (somente em inglês).

Quem já está testando o Ubuntu 13.10 deverá ter o MIR disponível lá pelo final de julho.

Publicado em 27 de junho de 2013 | 4 Comentários

Ivan Brasil Fuzzer

Ivan Brasil Fuzzer

Faço parte do grupo Tchelinux(http://www.tchelinux.org). O Tchelinux é um grupo de voluntários que trabalha com software livre e ainda acredita que boas coisas podem ser feitas nesta comunidade; desde que saibamos repassar aos que estão iniciando que Software Livre é um aprender e repassar o conhecimento incessante. Sou líder do Ubuntu-BR-RS juntamente com a Marta Vuelma. Tentamos divulgar a distribuição e auxiliar novos usuários por todo o estado do Rio Grande do Sul, as vezes em outros estados também. Sou um amante incondicional de software livre. Vivo apaixonado pelo Ubuntu.

Mais posts do autor (856)

4 Comentários

  1. Daniel San disse:

    Até estou achando legal o que está acontecendo agora. Porém o que foi noticiado bem no inicio quando o Mir foi anunciado é que ele seria somente compatível com o Unity.
    O que ainda não está me convencendo é se realmente após o lançamento do Ubuntu 14.04 eles ainda vão dar esse “suporte” para os outros ambientes gráficos.

    • Quem noticiou isso foi o pessoal do wayland que não queria ver outro concorrente, a Canonical sempre disse que seria compatível com o X. O Mir foi motivado pela inércia do wayland que prometia mas não saia do chão e não estava prevendo rodar em qualquer dispositivo como a Canonical precisava para ter o Ubuntu em todas as plataformas. Agora o wayland diz que vai rodar em qualquer lugar.
      Houve a famosa campanha de FUD contra a Canonical, mas só isso.

  2. Ks disse:

    Não pesquisei muito sobre isso, mas tipo para um usuário comum como eu, o que esse tal de MIR vai mudar para mim, quais serão as vantagens?

Deixe seu comentário

Website