Ubuntu Touch tem seu primeiro fabricante

Categoria: Ubuntu | Palavras-chave: , ,

smartphone ubuntu edge

A Canonical anunciou que já tem seu primeiro parceiro para desenvolver um Smartphone que sairá de fábrica com o Ubuntu Touch instalado. Ainda não foi revelado o nome deste parceiro, mas Mark já adiantou que o smartphone estará na linha dos Top de mercado, o que pode nos dar as esperanças de que a especificação do Ubuntu Edge sejam alcançadas, talvez até o projeto seja implementado.

Outra boa notícia é que as negociações levam a crer que o smartphone será vendido em todos os mercados, incluindo os emergentes. Mesmo que nada tenha sido dito referente a países, podemos ter esperanças que o Brasil estará nesta lista.

O smartphone será lançado em 2014, mas nenhuma data específica ou semestre foi indicado. Vamos aguardar para ver o que virá no próximo ano.

Fonte: Cnet.com

Publicado em 11 de dezembro de 2013 | 5 Comentários

Ivan Brasil Fuzzer

Ivan Brasil Fuzzer

Faço parte do grupo Tchelinux(http://www.tchelinux.org). O Tchelinux é um grupo de voluntários que trabalha com software livre e ainda acredita que boas coisas podem ser feitas nesta comunidade; desde que saibamos repassar aos que estão iniciando que Software Livre é um aprender e repassar o conhecimento incessante. Sou líder do Ubuntu-BR-RS juntamente com a Marta Vuelma. Tentamos divulgar a distribuição e auxiliar novos usuários por todo o estado do Rio Grande do Sul, as vezes em outros estados também. Sou um amante incondicional de software livre. Vivo apaixonado pelo Ubuntu.

Mais posts do autor (856)

5 Comentários

  1. carlos disse:

    apesar das inúmeras especulações sobre o porque da canonical n ter conseguido so 32 milhões de dólares para bancar o projeto, parece que agora faz as coisas do “jeito certo”.

    vai ser interessante acompanhar este assunto. 2014 será estimulante! ;-))

  2. Matheus disse:

    Muito boa essa noticia, eu uso o Ubuntu a 3 anos e sempre fiquei por dentro das atualizações. Agora ter um SmarthPhone com Ubuntu é sensacional, e ele tem um diferencial que dará um grande espaço no mercado.

  3. Scheldon disse:

    Eles deviam era investir em algo simples e funcional como o Google faz com o moto G, só que com entrada pra cartao de memoria e um tamanho pra mãos de gente e não pata de mula.

    • Não acho isso. Investindo em algo que o mercado já tem, não vão conseguir pegar usuários que já usam o que o mercado já oferece e o Ubuntu Touch será apenas mais um no mercado. Qualquer plataforma hoje para ganhar uma boa porção do mercado, precisa ter algo que revolucione, e é aí que algo como o Ubuntu Edge teria sucesso.

      • scheldon disse:

        Ai que você se engana, primeiro que pela visão da canonical só números grandes são o importante, e isso não é revolução, é mais do mesmo (tem a questão do software que é o forte do projeto, mas eles não estão tocando nesse ponto) e isso faz justamente o oposto hoje em dia tem afastado consumidores que querem um motivo melhor para trocar de aparelho do que simplesmente o dobro de memoria e outras perfumarias que não vão influenciar em nada no uso do dia a dia, segundo que o que ganha mercado e desenvolvedores são aparelhos baratos, a microsoft é um exemplo disso, a segunda geração dos lumias tinham/tem o melhor hardware e o melhor software do mercado, mas não vendiam bem até lançarem o lumia 520 que é o aparelho de baixo custo, depois disso eles vem ganhando mercado e desenvolvedores para o seu lado.

Deixe seu comentário

Website