Tecla “?” no Lenovo E431

P_20150807_175919

Tem coisa mais chata do que pressionar uma tecla no teclado e nada aparecer na tela? Para piorar você procura uma segunda opção no teclado e não encontra? Pois é, passei por isso ao reinstalar o Ubuntu no meu Lenovo E431, com os caracterres “?” e “/”, mas não foi difícil encontrar a solução.

A solução para este problema, para quem utiliza Ubuntu e outras distribuições baseadas no Debian, é simples e pelo que pesquisei se aplica a vários outros modelos da Lenovo vendidos no Brasil.

Para resolvermos de vez este problema, abra o gedit pressionando a tecla Super(também conhecida como tecla Windows) e digitando gedit. Ao aparecer o ícone do Editor de Texto, clique nele para abrir o programa.

Vá no menu Arquivo, Abrir e vá na pasta home(provavelmente já irá abrir nesta pasta). Pressione as teclas Ctrl+h para mostrar os arquivos ocultos e abra o arquivo com nome .xsessionrc. Se ele estiver vazio, copie e cole o conteúdo abaixo.

#!/bin/bash
setxkbmap -model thinkpad60 -layout br

Salve o arquivo e encerre a sessão e entre com seu usuário e senha novamente. Pronto, o problema das teclas estará resolvido.

Se este tutorial resolveu o seu problema em outro modelo de notebook, não esqueça de deixar um comentário dizendo o modelo do seu notebook para que mais pessoas sejam beneficiadas.

Esta dica também pode funcionar em outras distribuições não baseadas no Debian, mas não fiz este teste para ter certeza.

Apt-get upgrade ou dist-upgrade?

Para quem utiliza o terminal, mesmo que já tenha alguma experiência, a palavra dist-upgrade ainda gera bastante confusão e, ao contrário do que muita gente imagina, não vai atualizar sua distribuição para uma versão mais nova como por exemplo da 14.10 para a 15.04.

Para auxiliar nesta explicação, vou apelar para o manual do comando(man apt-get):

upgrade
upgrade é usado para instalar as versões mais recentes de todos os pacotes presentemente instalados no sistema a partir das fontes enumeradas em /etc/apt/sources.list. Os pacotes presentemente instalados com versões novas são obtidos e instalados; em nenhumas circunstâncias os pacotes presentemente instalados serão removidos, nem pacotes já  instalados serão obtidos e instalados.Os pacotes presentemente instalados com novas versões e que não possam ser atualizados sem alterarem o estado da instalação de outro pacote serão deixados na versão presente. Deve ser executado primeiro um update para que o apt-get fique a saber que estão disponíveis novas versões de pacotes.

dist-upgrade
dist-upgrade adicionalmente a executar a função do upgrade, também lida inteligentemente com as alterações de dependências com as novas versões de pacotes; o apt-get tem um sistema de resolução de conflitos ‘inteligente’, que irá tentar atualizar os pacotes mais importantes a custo dos pacotes menos importantes, caso necessário. Portanto, o comando dist-upgrade pode remover alguns pacotes. O ficheiro /etc/apt/sources.list contém uma lista de localizações de onde obter os ficheiros de pacotes desejados. Veja também apt_preferences(5) para um mecanismo para sobrepor as definições gerais em pacotes individuais.

Resumindo: Os dois comandos irão atualizar os pacotes já instalados no seu sistema, porém o dist-upgrade é mais completo e inteligente. Provavelmente você terá menos problemas futuros se utilizar o dist-upgrade ao invés de utilizar apenas o upgrade.

Ainda ficou alguma dúvida sobre as duas opções do comando apt-get? Mande sua pergunta nos comentários que responderemos assim que possível.

Opencast #37 – Celular Modular e Manipulação do Facebook

opencast-37-celular-modular-manipulacao-facebook

Esqueça a tristeza da desclassificação da seleção brasileira na copa(o Ivan e o Aprígio já estávamos torcendo para a Alemanha mesmo) e ouça mais um episódio do Opencast. Neste episódio Ivan e Diego discutem assuntos relacionados com software livre, incluindo um desabafo referente a comunidade Ubuntu-BR e uma música especial no final do episódio.

Agradecemos novamente ao Eduardo Barbosa pela arte da capa do episódio.

Gostaríamos de lembrar a todos que devem atualizar seus feeds do opencast pois este mudará de endereço e passará a ser hospedado no site tecnologiaaberta.com.br. Por enquanto, os episódios estão sendo publicados em paralelo, mas em breve serão publicados exclusivamente no site tecnologiaaberta.com.br

Links do episódio

Meu celular e a câmera que eu tinha que plugar nele.

CF62camera-para-celular-siemens-a-400-2-s-30880-s-5701-14187-MLB152546411_9077-O

Twitter: @tecnologiaabert

Facebook: http://www.facebook.com/tecnologiaaberta

Google+: Tecnologia Aberta

Youtube: Tecnologia Aberta

E-Mail: opencast@tecnologiaaberta.com.br

Feed do Opencast: http://tecnologiaaberta.com.br/feed/opencast/

iTunes: http://itunes.apple.com/br/podcast/id424732898

Créditos das músicas usadas neste programa:
Josh Woodward e DanoSongs.com

Canonical irá parar o serviço de arquivos e músicas do Ubuntu One

Ubuntu One sustitui o Ubuntu Single Sign On

Ubuntu One sustitui o Ubuntu Single Sign On

Hoje tivemos o anúncio da descontinuidade dos serviços de arquivos e músicas do Ubuntu One. O motivo é a forte concorrência neste mercado onde outras empresas oferecem mais de 20 GB gratuitos. Para a Canonical manter estes serviços, teria que investir muito dinheiro, mais do que tem capacidade. Como a empresa quer ficar no mercado apenas onde consegue ser realmente competitiva, a decisão foi de encerrar os serviços.

Todos que usam estes serviços serão afetados da seguinte maneira. A partir de hoje, não será mais possível comprar músicas no Ubuntu One Music. O Ubuntu 14.04 não terá mais o serviço de arquivos Ubuntu One instalado por padrão. O serviço estará disponível até o dia primeiro de junho de 2014 e os arquivos estarão disponíveis até o dia 31 de julho de 2014 e depois disto serão apagados.

A boa notícia é que o código do serviço será disponibilizado como software livre e outras pessoas poderão continuar o serviço de outras maneiras.

Se você pagou uma “licença” anual, o dinheiro referente ao restante do ano será devolvido. Quem tiver dinheiro para receber será contatado individualmente.

A descontinuidade destes serviços não afetará o serviço de login único.

Fonte: Blog da Canonical

Opencast #32 – Hardening

opencast-32-hardening

Voltamos com o Opencast depois de uma boa parada para espairecer. Neste episódio Ivan, Aprígio Simões, Diego e Og Maciel falam sobre o processo de “endurecimento” de um sistema. Na verdade o episódio é quase um monólogo do Aprígio que foi quem sugeriu a pauta e também foi o especialista “convidado”.

Excepcionalmente, mas pode se tornar o padrão, não teremos a versão em vídeo no youtube. O motivo é bem simples, é muito trabalho e isto acabaria prejudicando a periodicidade do Videocast e provavelmente a do Opencast também (mais do que já é prejudicada).

Agradecimento especial ao Rudinei que não participou do episódio, mas compilou os links que você vê abaixo:

Links do episódio

Twitter: @tecnologiaabert

Facebook: http://www.facebook.com/tecnologiaaberta

Google+: Tecnologia Aberta

Youtube: Tecnologia Aberta

E-Mail: opencast@tecnologiaaberta.com.br

Feed do Opencast: http://tecnologiaaberta.com.br/feed/opencast/

iTunes: http://itunes.apple.com/br/podcast/id424732898

Créditos das músicas usadas neste programa:
– Music by Dan-O at DanoSongs.com

Videocast #54 – Arduino Leonardo

Videocast 54 - Arduino Leonardo

Videocast 54 - Arduino Leonardo

Nesta semana estou propondo o início de uma séria sobre a programação para Arduino. Comprei uma placa compatível com o Arduino Leonardo, mas até agora não dei nenhum fim para ela, já tem 3 ou 4 meses, até por não ter nenhuma ideia de uma aplicação para a placa. Me acompanhe nesta série e vamos aprender juntos as possibilidades deste hardware livre. Estou aceitando dicas de o que fazer com a placa, até mesmo comprar novos componentes para desenvolver algo útil.

Assistir no Youtube

Links

Videocast #53 – Dell Vostro 5470

Videocast 52: Dell Vostro 5470

videocast-52-dell-vostro-5470

O carnaval atrapalhou a postagem do Videocast, pequenos problemas com DNS e com a conexão lá no meio do mato onde eu estava. No episódio de hoje mostro o Dell Vostro 5479. Ele não é um Ultrabook, mas pode brigar com eles se você não se importar com a qualidade do som. O notebook é muito leve e rápido. Como bônus, consegui ele na versão com e sem Touch Screen e mostro os dois com Ubuntu, mesmo eles não vindo com Linux de fábrica.

O Vídeo ficou um pouco fora de foco mesmo, não são seus olhos nem seu monitor, apenas a falta de um assistente para me avisar desse pequeno detalhe durante a gravação.

Assistir no Youtube

Compre através dos nossos links  aqui e aqui e ajude o site sem gastar nada a mais.

Para habilitar a placa Nvidia, confira o post do Videocast #50 – Inspiron 14, um notebook para jogos?

Gostou do vídeo e do restante do site? Colabora e vota no prêmio TopBlog, use todos os seus e-mails e facebook!

Videocast #52 – Ubuntu Touch em Dual Boot com Android

Ubuntu Touch em Dual Boot com Android

Ubuntu Touch em Dual Boot com Android

Antes de qualquer coisa, este Videocast está longo mesmo. Neste episódio mostro o Ubuntu Touch em Dual Boot com o Android. É o vídeo mais detalhado do Ubuntu Touch que eu já fiz, incluindo informações no post de como instalar o Dual Boot e como importar contatos no Ubuntu Touch. Não voltarei a fazer vídeos do Ubuntu Touch rodando no Galaxy Nexus porque ele não é mais suportado oficialmente, o que prejudica bastante qualquer coisa que possa ser dita.

Antes de sair seguindo os passos, faça um backup de seus dados, como eu falo no vídeo, eu perdi informações no Android e não gostaria que você perdesse também.

Assistir no Youtube

Instalação

Em primeiro lugar, desbloqueie seu smartphone como mostramos neste post, apenas não faça a parte da instalação do Ubuntu Touch. Feito isso, baixe o script que irá instalar o aplicativo que faz a mágica acontecer. Os próximos passos podem ser vistos no vídeo.

Sincronizar contatos com sua conta Google

Com o smartphone conectado com o cabo USB no computador, abra o terminal pressionando Ctrl+Alt+t e digite os seguintes comandos:

adb root
adb shell
ubuntu_chroot shell
su - phablet
syncevolution --configure --sync-property "username=email@gmail.com" --sync-property "password=secret" Google_Contacts
syncevolution --sync refresh-from-server Google_Contacts addressbook

Estes comandos farão a sincronia de apenas 50 contatos por vez. Para ter todos os contatos, repita a última linha quantas vezes forem necessárias até que todos os contatos sejam sincronizados, lembrando que a cada vez que o comando for dado, 50 contatos serão adicionados ao smartphone.

Habilitar ligações com Android 4.4

Se você está usando o Android 4.4, o rádio não funcionará no Ubuntu Touch, para que funcione você pode esperar até lançarem uma imagem que tenha esta funcionalidade, está bem perto desta imagem ser lançada, ou então fazer o downgrade do firmware de rádio para a 4.3. Para isto, faça o download da instalação do Android referente ao seu celular(este passo é para o Nexus 4).

Extraia o conteúdo do arquivo para uma pasta qualquer e entre nesta pasta pelo terminal.

Execute o seguinte comando:

adb reboot bootloader

O sistema no celular ficará parado no bootloader e você deve executar o seguinte comando(trocando o $RADIO_FIRMWARE pelo nome do arquivo do rádio da imagem que deve começar com ratio-codinomecelular):

fastboot flash radio $RADIO_FIRMWARE.img

Após o novo firmware ser gravado no celular, é só reiniciar o celular com o comando:

fastboot reboot

Não esqueça de votar no site para o prêmio TopBlog. Vote com todos os seus emails e pelo facebook.

Fonte: Touch/DualBootInstallation